BabyTime: Junho 2020
 
Este fim de semana rumámos a Tomar em modo surpresa ao mais velho para celebrar o final deste 1º ano lectivo tão atípico e para termos mais alguns dias de descanso em família. Estamos desde Março a trabalhar em turnos desencontrados, ele de noite na empresa, eu de dia, em teletrabalho.

Reservámos um Glamping que já tinha na wish list desde o ano passado por ter boa pontuação no Booking (9.6), mas confesso que íamos com algum receio porque o preço foi bastante simpático (menos de 180€ as duas noites) para os preços praticados nos tempos atuais. Quando a esmola é demais, o santo desconfia, não é?

Mas a verdade é que Tenda Safari de Luxo na Quinta da Cotovia não desiludiu e foi uma verdadeira surpresa. A quinta fica a 10 minutos de Tomar e é muito sossegada, tem algumas casas para alugar, algumas tendas Safari familiares e de casal e uma pequena piscina, que é suficiente para o número de hóspedes. Reservámos a Tenda Safari Casa Figos, onde passámos 2 dias maravilhosos em contacto com a natureza. 

O dono da Quinta é o Harrie, um Alemão que se mudou para o nosso país e criou ali o seu pequeno refugio onde vive há 4 anos. A Tenda estava muito limpa e tinha à nossa disponibilidade gel desinfectante (a segurança é muito importante), café e água (cortesia da casa). O Harrie é um super host que dá boas dicas sobre a região e o que visitar. Confessou-nos que está mais habituado a receber turistas estrangeiros do que portugueses, mas que este ano tudo mudou.
 
Tal como a escpadinha da semana passada, optámos por levar as nossas próprias refeições para nos dar mais liberdade e porque prefiro desconfinar assim devagarinho. 


A TENDA SAFARI 





A tenda tem tudo o que é preciso para nos sentirmos confortáveis como em casa: deck com mobiliário de exterior para relaxar, cozinha equipada com frigorífico grande, placa de fogão a gás, tostadeira, máquina de café Dolce Gusto,utensílios de cozinha, mesa para 6 pessoas, etc. Depois avançamos para um WC espaçoso q.b e com chuveiro moderno. Possui um mini secador de cabelo e o Harrie até nos deixou por cortesia um redutor de sanita e um banquinho para o Xavier chegar ao lavatório. Quando fizemos a reserva aproveitei para pedir cadeira da papa pois já tinha lido noutros reviews que tinham também nos foi disponibilizada, tal como loiça para ele. Outro plus: o quarto tinha uma luz de presença. Muito kids friendly já que andamos sempre com a nossa atrás por ser algo que raramente encontramos nos destinos.


Os quartos são espaçosos para o conceito e o de casal tem um bom roupeiro de parede a parede para as bagagens. No corredor existe outro ponto de apoio para colocar bagagens e roupa e o quarto os miúdos era composto por 1 beliche e 1 cama individual, com alguns espaços de arrumação, dá perfeitamente para famílias numerosas.


Não há TV, mas há Wi-Fi com bom sinal em toda a quinta!












Em frente ao deck da tenda uma cama de rede faz as honras da "casa" e uma mesa de piquenique exclusiva com um largo chapéu de sol convida para umas refeições no exterior. 








A quinta também tem um pequeno parque infantil para os mais novos (senti falta de algumas barreiras de segurança nesta zona porque já se sabe como são trapalhões os miúdos a correr) e uma capoeira com algumas galinhas que fazem as delicias dos miúdos. 







A PISCINA

O ano passado não reservei porque não percebi que tinha piscina e só este ano a ver melhor o site é que vi que sim. Muito limpa, com alguns brinquedos de apoio de natação à disponibilidade dos miúdos (esparguetes) e ao final do dia está numa temperatura perfeita para mergulhos ao pôr do sol antes de recolher para jantar. 






O QUE VISITAR?

O CASTELO E O CONVENTO DE TOMAR

Um local encantado, com uma vista desafogada sob a cidade.








Não resistimos a comprar numa pastelaria próxima o doce regional "beija-me depressa" feito com ovos, uma delicia.




A PRAIA FLUVIAL DO AGROAL

No sábado à tarde fomos visitar esta praia que é um verdadeiro paraíso escondido. Fica a 23m de carro da Quinta da Cotovia. A água é geladinha de nascente mas dizem ser medicinal por isso é entrar sem medos :)

O espaço não é muito grande, tem um pequeno estacionamento e uma zona para toalhas e merendas. As cigarras ecoam e contrastam com o som desta nascente de agua translucida!!!






A PRAIA FLUVIAL DA ALDEIA DO MATO

No domingo após o check out seguimos o conselho do Harrie e fomos visitar a Barragem de Castelo de Bode e a seguir ainda fomos dar um mergulho à praia Fluvial da Aldeia do Mato, é muito fácil apanhar a A23 para Lisboa a partir de lá. 

É outro pequeno paraíso no meio do nosso Portugal bonito. Não fomos até à plataforma por estar muita gente mas fomos a banhos na margem e a água estava bastante temperada, perfeita mesmo.








Espero que tenham gostado deste mini possível roteiro, para nós foi um fim de semana de surpresa total pois não íamos a contar encontrar tanta beleza natural por estes dias. É sempre bom sair das rotas da moda e ir conhecer mais além.

Gostaram?

Dica: fazer a reserva diretamente com o a Quinta fica mais barato do que via Booking, disse-nos o Harrie à despedida.

PS - Para  malta anti-bicharada, a tenda tem insecticida para os habitantes indesejáveis (não foram muitos nem tivemos melgas) mas já ficam a saber que não precisam levar.

Pontos fortes:
Piscina
Envolvência
Limpeza
Wi-Fi

Pontos fracos:
Não ter ar condicionado pode ser um problema nos meses mais quentes.


Preço da escapadinha para 4: 171€ 


#notsponsored




Recebi muitas perguntas no fim de semana sobre a localização da nossa escapadinha e recuperei o post que já tinha escrito sobre os Bungallows de Mira para vos dar a conhecer melhor esta opção de escapadinha on a budget, que é daquelas para repetir sempre!

Como sabem, somos fãs de campo, turismos rurais, glampings e Bungallows e estes estão sempre literalmente na nossa “mira” desde que lá fomos a primeira vez, há 4 anos. Continuam a ser dos Bungallows mais completos em que já estivemos. 

As dúvidas sobre a localização eram muitas porque eles não vêm nos ditos roteiros da "moda": ficam em pleno Lago do Mar, na Praia de Mira, distrito de Coimbra e estão inseridos no Parque Municipal de Campismo de Mira. Todos os Bungallows são espaçosos, modernos, na linha de água e com um deck que nos permite uma vista fabulosa para o lago com as dunas da praia a horizonte. 

OS BUNGALLOWS

São 21 edifícios de madeira construídos num conceito de water villas com capacidade para 6 pessoas. Os interiores aliam a simplicidade dos materiais naturais, que se procura neste tipo de turismo inserido na natureza, com a modernidade: cozinha Teka totalmente equipada (fogão, frigorífico, forno, microondas, congelador, tostadeira...) TV, Wi-fi e secador de cabelo no quarto. Um janelão grande na zona de estar divide o espaço interior do deck exterior, perfeito para apanhar sol. O sossego só é "quebrado" pela presença dos patos bravos e das carpas abundantes no lago. 

O ponto alto das nossas estadias é mesmo este: o contacto com a natureza. O deck sob o lago do mar é a loucura para os miúdos, que anseiam por a alimentar os patos e os peixes  a toda a hora (despachámos uma embalagem de pão num piscar de olhos, por isso, se lá forem com as vossas crianças, vão prevenidos). 

INTERIOR





O EXTERIOR









DISTÂNCIA BUNGALLOWS - PRAIA

À saída do parque de campismo, basta virar à esquerda e contornar o muro do parque até chegar a uma zona com subida para a praia, é uma caminhada de 10m-12m a pé que se faz bem. Deixo a foto para perceberem melhor a localização e a distância. o ideal mesmo era o parque ter uma saída sul direta para a praia, mas percebemos que por questões de segurança não seja viável.





REFEIÇÕES

Devido à situação actual optamos por fazer todas as refeições em casa. Os Bungallows são completamente auto-suficientes, o parque não tem nenhum café ou supermercado a funcionar. No entanto, perto do parque há uma zona com muitos restaurantes e churrasqueiras que se alcançam a pé. Também há um mini mercado. Ao domingo de manhã pode-se ir à praia comprar peixe fresco junto aos pescadores.


O QUE VISITAR


O MUSEU

Museu Etnográfico Praia de Mira, é um antigo palheiro dos anos 60, situado mesmo em frente à barrinha de Mira, onde se pode viajar no tempo e ter contacto com a história e património arquitetónico de Mira, desde a pesca às artes e ao modo de vida da população, tudo isto através de mobiliário, trajes, instrumentos utilizados na pesca e alfaias agrícolas. Existe também uma salinha que representa uma sala de aula antiga que o Duarte adorou, e uma zona de lazer para os mais pequenos brincarem e pintarem. A entrada é gratuita.
 






A PRAIA DE MIRA

A Praia de Mira é única no mundo, com 26 anos consecutivos de Bandeira Azul. Tem um areal muito vasto o que permite muito sossego e apanhámos um tempo maravilhoso, foi uma surpresa receber o verão assim! O mar costuma ser mais "bravo" mas até nisso tivemos sorte e apanhamos 2 dias de bandeira verde.









OS MOINHOS DE ÁGUA

Desta vez não fomos até lá, mas existem vários moinhos de água na zona que pertencem a propriedades privadas, mas que podem ser visitados através do circuito pedonal. Da primeira vez visitámos os Moinhos da Fazendeira, no sítio do Cartaxo, um programa giro para fazer com as crianças.








O CIRCUITO PEDONAL

Podem encontrá-lo logo em frente ao parque de campismo e tem uma extensão de 26km. Também é possível alugar gaivotas e fazer um passeio na barrinha. Os miúdos ficam doidos com as gaivotas temáticas. Quando fomos a primeira, o vez O Duarte escolheu o Pato Donald e fomos nós "pedalar" meia hora pela ria, onde assistimos a atividades de remo e de pesca. Este passeio teve na altura o custo de 3€ por 30 minutos (agora talvez tenha subido um pouco). 

Desta vez com bebé de 2 anos atrás só fizemos apenas uma parte de bicicleta, mas ficam a saber que é uma das maiores pistas de Portugal e é cheia de espaços para piqueniques. Levem bicicletas se tiverem espaço, os miúdos adoram e mesmo dentro do parque de campismo é uma maravilha para eles se sentirem livres.












Os preços são muito simpáticos, um fim de semana para 4pax fica por 150€ em época média. A partir de julho sobe um bocadinho. As reservas fazemos sempre directamente junto do parque via email.

Mais informação e preços podem ver no site aqui


Quem ficou com eles na mira?


Pontos fortes:

Envolvência
Limpeza
Wi-Fi
Conforto e dimensão dos bungallows

Pontos fracos:
Os miudos adoravam se tivesse piscina!


Preço da escapadinha para 4: 150€ (época media)

Sigam-nos no Instagram @raquelrodrigues_babytime